Ocorreu um erro neste gadget

sábado, 22 de agosto de 2009

O ultimo sabado triste.

O sol se punha no horizonte, e mais um sábado começava. Porém, nesse dia sagrado, ninguém sorria. As trevas aos poucos se empunham ao cair da noite. No coração de muita gente as trevas já haviam caído algumas horas antes. A esperança se fora. Tudo o que ansiavam desaparecera naquela escuridão. O Mestre estava morto. Jesus morrera naquela tarde, e com Ele morreram a alegria e a paz.

Naquele sábado, tudo era contraditório. No dia que relembrava a criação de Deus e Seu poder que trouxe à vida toda criatura, Jesus estava num túmulo. O Rei da Vida estava morto. Os discípulos relembravam Suas palavras acerca desse momento, quase sem poder acreditar que o que mais temiam agora era realidade.

Jesus tinha dito: “É necessário que o Filho do Homem sofra muitas coisas, seja rejeitado pelos anciãos, pelos principais sacerdotes e pelos escribas; seja morto e, no terceiro dia, ressuscite.” Lucas 9:22. De fato, Jesus tinha sido humilhado, maltratado, ferido e morto. Seria possível que ressuscitasse ao terceiro dia? Seria possível que vencesse a morte, trazendo vida a todos os corações? Impacientemente esperavam passar o sábado mais triste da história.

E eis que o dia amanhece. O brilho do sol aparece junto com o brilho de um anjo que corta o céu. O anjo traz uma ordem de Deus, o Pai. Os soldados que guardam o túmulo desfalecem perante aquela presença celestial, enquanto o anjo rola a pedra que selava o túmulo do Filho de Deus. Com uma voz forte e poderosa, diz: “Filho de Deus, Teu Pai te chama! Sai desse túmulo, pois a morte foi vencida para sempre!”

Jesus se levanta. Seu rosto brilha com uma luz divina. É a luz de um amor maior que tudo, maior que a morte, maior que todo o mal. Esse amor, que foi capaz de dar a própria vida pela salvação da humanidade, ressurge na pessoa de Jesus. Ele está vivo, pois a morte não pode deter o Senhor da Vida. Ele ressurge como o Rei da Glória.

O Céu está em festa. Finalmente o plano da salvação está completo! Através de Cristo, todos os que quiserem podem herdar a vida eterna. Uma porta de salvação foi aberta para o homem cativo do pecado. Os anjos se emocionaram ao contemplar o amor profundo e inexplicável que move o Universo. Todos O adoram como Rei dos Reis e Senhor dos Senhores.

A esperança renasceu! A tristeza e a morte reinaram por um dia, mas a vida e o amor reinam para toda a eternidade. Os discípulos, ao receberem a notícia, saem pelo mundo pregando corajosamente a mensagem. Como não falar da grande esperança do evengelho e da vida eterna?

“Digno é o Cordeiro que foi morto
De receber o poder, e riqueza,
E sabedoria, e força,
E honra, e glória, e louvor.” Apocalipse 5:12

Um comentário:

  1. Olá!!

    Não sei como você descobriu meu blog, hehe, mas é uma honra ter uma coisa que eu escrevi aqui no seu blog!! Não precisa se desculpar não, imagina... tudo de bom e fica com Deus!!

    Abraço!!

    ResponderExcluir